Publicações · Recentes

POTENCIAL DA FLOR DO CARDO: DA SUA BIODIVERSIDADE À APTIDÃO TECNOLÓGICA
  26 Set

O uso de extrato de cardo é obrigatório em alguns dos queijos portugueses de ovelha com Denominação de Origem Protegida (DOP). Apesar deste elevado potencial e subsequente interesse económico na fileira da produção de queijo, o efeito da variabilidade da flor permanece pouco estudado. O presente workshop dirigido principalmente ao sector produtivo tem por objetivo apresentar e discutir resultados relativos à utilização da flor do cardo; à correta preservação da flor e das suas propriedades, entre outros aspetos tecnológicos, que podem ser maximizados. Programa: 14H30 – RECEPÇÃO DOS PARTICIPANTES 15H00 – APRESENTAÇÃO GERAL DO PROJETO VALBIOTECCYNARA- Valorização económica do cardo (Cynara cardunculus) variabilidade natural e suas aplicações biotecnológicas Fátima Duarte |CEBAL/ICAAM| 15H15 – A DIVERSIDADE MORFOLÓGICA do CARDO no ALENTEJO Carla Pinto-Cruz e Eliana Machado |ICAAM, U. Évora| 15H30 – A CONSERVAÇÃO da FLOR do CARDO Patricia Lage |IPBeja| 15H35 – APTIDÃO TECNOLÓGICA do CARDO: - Propriedades tecnológicas e diversidade da flor de cardo do Alentejo Pedro Louro |INIAV| - O exemplo para a produção de queijo DOP de Évora e Serpa Cristina Pinheiro |ICAAM, U. Évora | Nuno Alvarenga |INIAV| João Dias |IPBeja| 16H30 – DISCUSSÃO 16H45 – PROVA de QUEIJOS PRODUZIDOS no ÂMBITO do PROJETO VALBIOTECCYNARA Participação gratuita mediante inscrição: https://goo.gl/forms/ZBmeWBd9xmIZhGc52

Ciência Vitae: A FCT disponibiliza aos investigadores uma nova plataforma de gestão currícular

A FCT-FCCN disponibiliza a partir de agora uma nova ferramenta aos/às investigadores/as que permitirá uma gestão integrada dos seus currículos. A plataforma já se encontra disponível e com cerca de 330 inscritos. A intenção é que este sistema venha substituir todos os outros, agregando toda a informação curricular dispersa pelo portais DeGóis, FCT-SIG ou ORCID. Encontra-se ainda em fase de teste, contudo, parece esta plataforma vir resolver muitos dos problemas dos quais se queixam os/as investigadores/as, de duplicação e até multiplicação de currículos online. A adesão a esta plataforma permitirá que o/a investigador/a apenas necessite de actualizar o seu currículo uma vez para qualquer procedimento que seja necessário junto da FCT (e outras entidades). As dúvidas relacionadas com o registo estão a ser acompanhadas por este gabinete de comunicação. Mais informações em:https://www.cienciavitae.pt/

Kraft Advance é o novo produto de combate a pragas da bananeira

Existe um novo produto no mercado, aprovado pela DGAV (Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária) para combate a pragas como ácaros e tripes (também conhecidas como “cinzeiro”) nas plantações de banana. Chama-se Kraft Advance e é um inseticida e acaricida com amplo espectro de ação disponibilizado pela Selectis (do universo Sapec Agro Business). É um produto de origem natural, penetrante com actividade translaminar, formando uma reserva efetiva no interior das folhas. A Selectis sublinha que o Kraft Advance tem “excelente seletividade para as culturas e elevada persistência de ação”, garantindo a eficácia sobre ácaros resistentes aos acaricidas e inseticidas tradicionais: piretróides, carbamatos e organofosforados. A GESBA, empresa pública de Gestão do Sector da Banana e a Secretaria Regional de Agricultura e Pesca aclamam esta nova solução, já que desde que foi proibida a aplicação de um produto anterior, Rufast Advance, há algumas pragas que se têm feito sentir com mais intensidade, o que vem prejudicar gravemente o rendimento dos agricultores na Madeira, onde a banana é uma das culturas mais importantes e com grande impacto económico. O Governo Regional da Madeira tem vindo a estudar, juntamente com o Ministério de Florestas e Desenvolvimento Rural, através da Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária, novas soluções, seguras e eficazes para debelar estas pragas. Para o secretário Regional de Agricultura e Pescas este é o resultado de um trabalho realizado pelos técnicos da Secretaria em prol dos bananicultores da Região. A GESBA encontra-se igualmente disponível para prestar auxílio e meios técnicos, sempre que tal seja solicitado. A produção de Banana da Madeira é realizada por 2.900 bananicultores, que cultivam pequenas explorações agrícolas (85% das explorações têm menos de 1 hectare) e que no seu todo formam uma área de produção de cerca de 650 hectares. Em 2017 foram processadas cerca de 22 mil toneladas de banana. Fonte: Agricultura e Mar Actual http://agriculturaemar.com/kraft-advance-aprovado-para-combater-pragas-como-acaros-e-tripes-da-bananeira/

Terceira convocatória: damos-lhe uma ajuda!

A terceira convocatória de projetos abrirá no próximo dia 3 de setembro de 2018 para três prioridades temáticas: EIXO 2 - Competitividade das PME: Fomentar a competitividade e a internacionalização das PME do Sudoeste Europeu; EIXO 3 – Economia baixa em carbono: contribuir para uma maior eficiência das políticas em matéria de eficiência energética; e EIXO 4- Luta contra a alteração climática: Prevenir e gerir os riscos de maneira mais eficaz. Para ajudar os candidatos a preparar a sua candidatura, as Autoridades Nacionais e o Secretariado Conjunto organizarão outras duas sessões de “60 minutos com Sudoe”, um encontro online de uma hora durante o qual os candidatos podem colocar todas as suas dúvidas. O primeiro dos webinários previsto por cada idioma estará especialmente dedicado à apresentação da proposta de projeto em eSudoe. O calendário fixado é o seguinte: Quarta-feira 12h00-13h00 (UTC+2): espanhol Quarta-feira 15h30-16h30 (UTC+2): português (ou seja, 14h30-15h30 para Portugal) Quinta-feira 11h00-12h00 (UTC+2): francês As sessões realizar-se-ão nas duas primeiras semanas de setembro. Mais info em: http://www.interreg-sudoe.eu/prt/projetos/terceira-convocatoria Se deseja colocar as suas questões ao Secretariado Conjunto, inscreva-se nos seguintes links. A inscrição é válida para todas as sessões organizadas no mesmo idioma. Sessões em espanhol (05/09, 12/09): https://attendee.gotowebinar.com/register/8401948182924753667 Sessões em francês (06/09, 13/09): https://attendee.gotowebinar.com/register/5495937851201201155 Sessões em português (05/09, 12/09): https://attendee.gotowebinar.com/register/9088180877610311939 Para qualquer outro assunto, não hesite em contactar o Secretariado Conjunto!

Simpósio Internacional sobre Inovação Agrícola na Agricultura Familiar

A Food and Agriculture Organization (FAO), em parceria com a Agrinatura e outras organizações internacionais tais como o IFAD, o CGIAR e a Tropical Agriculture Platform (TAP), está a organizar um simpósio intitulado "International Symposium on Agricultural Innovation for Family Farmers: Unlocking the potential of agricultural innovation to achieve the Sustainable Development Goals". O simpósio terá lugar entre 21 e 23 de Novembro de 2018 em Roma, Itália. As inscrições estão abertas até ao dia 31 de Agosto, através do registo no seguinte link (onde também poderá obter mais informações sobre o evento): http://www.fao.org/about/meetings/agricultural-innovation-family-farmers-symposium/en/ NOTA: após o registo, deverá reencaminhar o e-mail de resposta automática para a FAO.

6th International Conference on Organic Agriculture Sciences
  07 Nov

A conferência ICOAS reúne cientistas, consultores, empresários, decisores políticos, associações, organizações não-governamentais e outras partes interessadas em participar e discutir os mais recentes resultados de pesquisas e desenvolvimentos na agricultura orgânica nos países da Europa Central e Oriental. A ICOAS promove parcerias entre os stakeholders na Europa Central e Oriental e contribui ativamente para a promoção de inovação na agricultura biológica. Mais informações em: http://icoas2018.org/

Mestrado - Tecnologias em Agricultura de Precisão - UÉvora - FCT/UNL - Portugal

Abertura da 1ª edição do Mestrado em Tecnologias em Agricultura de Precisão - Universidade de Évora e Faculdade de Ciências e Tecnologia/UNL - Portugal http://www.agrotec.pt/noticias/novo-mestrado-em-agricultura-de-precisao-na-universidade-de-evora/

Oportunidades de financiamento nos Desafios Societais Bioeconomia e Ação Climática em 2019 & 2020

O GPPQ, em colaboração com a Universidade do Porto,irá organizar uma sessão de divulgação das oportunidades de financiamento de I&I nos Desafios Societais da Bioeconomia (DS2) e Ação Climática (DS5) do Horizonte 2020. A sessão será centrada nas oportunidades a concurso em 2019 e 2020 e terá especial enfoque nas temáticas Agricultura, Mar, Água, Biodiversidade, Economia Circular. Haverá ainda oportunidade para reunir bilateralmente com os NCPs. Esta sessão é dirigida a todos os potenciais interessados a financiamentos H2020 nestas temáticas. A sessão decorrerá na tarde do dia 10 de julho (14h00-17h00) no Auditório FC5 da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. Poderá inscrever-se na sessão preenchendo o formulário de inscrição. A sessão é gratuita mas a inscrição é obrigatória. Consulte o programa: http://www.gppq.fct.pt/h2020/_docs/eventos/9137_draft-agenda.pdf Incrisções: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfmUHwk9kOsiRxXzg4bCFtvQUMLAVltjC0ydThcaz-T5SFubg/viewform

Novo Doutoramento da Universidade de Lisboa que confere o grau em Ciências da Sustentabilidade: REcursos, Alimentação e SOciedade (REASOn)

Convidamos a conhecer o Novo Doutoramento da Universidade de Lisboa que confere o grau em Ciências da Sustentabilidade: REcursos, Alimentação e SOciedade (REASOn). https://csustentabilidade.ulisboa.pt/ Este Doutoramento foca-se na dimensão da produção e consumo de alimentos como vetor central dos desafios que se colocam à sustentabilidade, reconhecendo que a compreensão dos sistemas alimentares e a atuação sobre o sistema alimentar global são instrumentos fundamentais para o desenvolvimento sustentável e exigem investigação sobre as interações entre a ecologia e a socio-economia. Para serem catalisadores de mudança, os profissionais do século XXI devem ser dotados de conhecimento científico sólido e, principalmente, ter capacidade de o incorporar para compreender as interações entre sistemas globais, naturais, sociais e humanos, e como essas interações afetam os desafios da sustentabilidade. O Doutoramento foi concebido no âmbito do Colégio Food, Farming and Forestry (F3), mobilizando um corpo docente que inclui 42 professores de 17 das Faculdades e Institutos da Universidade de Lisboa que garante a necessária inovação e interdisciplinaridade. Tem como destinatários profissionais de sucesso e os melhores estudantes que procuram transformar conhecimento em resultados e inovação, com formação académica em qualquer área do conhecimento. Permite o desenvolvimento de tese em ambiente universitário, em ambiente empresarial/indústria, ou – numa tipologia inovadora em relação à oferta tradicional dos cursos de 3.º ciclo – em contexto profissional de trabalho. Este último modelo oferece a possibilidade de realização de uma tese aplicada a uma questão científica relevante para o exercício da atividade profissional quotidiana do doutorando, e que pode ser desenvolvida com ou na própria organização empregadora, para explorar a translação de duplo sentido entre prática e ciência.

Encontram-se abertas as candidaturas ao novo e inovador Doutoramento da Universidade de Lisboa que confere o grau em Ciências da Sustentabilidade: REcursos, Alimentação e SOciedade (REASOn).
  18 Mai

Convidamos a conhecer o Novo Doutoramento da Universidade de Lisboa que confere o grau em Ciências da Sustentabilidade: REcursos, Alimentação e SOciedade (REASOn). Este Doutoramento foca-se na dimensão da produção e consumo de alimentos como vetor central dos desafios que se colocam à sustentabilidade, reconhecendo que a compreensão dos sistemas alimentares e a atuação sobre o sistema alimentar global são instrumentos fundamentais para o desenvolvimento sustentável e exigem investigação sobre as interações entre a ecologia e a socio-economia. Para serem catalisadores de mudança, os profissionais do século XXI devem ser dotados de conhecimento científico sólido e, principalmente, ter capacidade de o incorporar para compreender as interações entre sistemas globais, naturais, sociais e humanos, e como essas interações afetam os desafios da sustentabilidade. O Doutoramento foi concebido no âmbito do Colégio Food, Farming and Forestry (F3), mobilizando um corpo docente que inclui 42 professores de 17 das Faculdades e Institutos da Universidade de Lisboa que garante a necessária inovação e interdisciplinaridade. Tem como destinatários profissionais de sucesso e os melhores estudantes que procuram transformar conhecimento em resultados e inovação, com formação académica em qualquer área do conhecimento. Permite o desenvolvimento de tese em ambiente universitário, em ambiente empresarial/indústria, ou – numa tipologia inovadora em relação à oferta tradicional dos cursos de 3.º ciclo – em contexto profissional de trabalho. Este último modelo oferece a possibilidade de realização de uma tese aplicada a uma questão científica relevante para o exercício da atividade profissional quotidiana do doutorando, e que pode ser desenvolvida com ou na própria organização empregadora, para explorar a translação de duplo sentido entre prática e ciência.

Seminário Anual da Fileira da Cortiça
  05 Jun

A UNAC - União da Floresta Mediterrânica vai realizar, no próximo dia 5 de Junho na Feira Nacional de Agricultura, na sala Scalabis, o Seminário Anual da Fileira da Cortiça". O Seminário Anual da Fileira da Cortiça pretende fazer o balanço da campanha de 2017, analisar e debater as dinâmicas de comercialização, os preços, etc., as perspetivas para 2018 e a evolução e tendências das rolhas de cortiça. Serão também apresentados os Grupos Operacionais do Sobreiro e da Cortiça e, na perspetiva do sobreiro e da cortiça, a Agenda de I&I sobre Agroalimentar, Florestas e Biodiversidade que se desenvolve em torno de três dimensões de reflexão no sentido de chegar a desafios e linhas de investigação e de inovação relevantes para o país numa perspetiva de médio e longo prazo (2030). Conceição Santos Silva (UNAC), Helena Pereira (FCT - Fundação para a Ciência e a Tecnologia), Nuno Calado (UNAC) e João Rui Ferreira (APCOR - Associação Portuguesa da Cortiça) são os oradores confirmados para este seminário. Veja em anexo o programa detalhado. As inscrições são gratuitas (mas não dispensam a aquisição de ingresso na FNA no local) e serão aceites pela ordem de receção, até à capacidade da sala. Mais informações em 217100014.

Uma visão regenerativa para a gestão integrada da Floresta e Agricultura
  24 Abr

The conference begins the recent partnership between UTAD and The Natural Step Portugal - Association for Sustainable Development (TNS). TNS is a Swedish NGO source that applies for almost 30 years the A framework for strategic sustainable development , based on scientific principles upon which means full sustainability (environmental and social) and how to achieve. Strongly linked to Swedish and international academia, the partnership with TNS UTAD comes to extend this network of research and training to Portugal. Understanding the importance of adding other entities and experts with systems thinking sustainability, TNS and UTAD invited to this conference to reforest Portugal and your partner Symbiosis Agroforestry, which are to carry out a tour of practical training in various areas of Portugal . The aim of this lecture a relevant synthesis for a heterogeneous public, promoting awareness of new approaches able to address important challenges Portugal faces Fonte: https://eventos.utad.pt/evento/integrada-da-floresta-e-agricultura/

AgriResearch Conference - Innovating for the future of farming and rural communities
  02 Mai

A AgriResearch Conference, que se irá realizar nos dias 2 e 3 de maio em Bruxelas, será focada na agricultura e nas atividades de investigação e inovação rurais da UE, agora e no futuro. Os objetivos da conferência são: - Fazer um balanço da implementação da abordagem estratégica da I&I agropecuária da UE e apresentar as suas primeiras conquistas no que toca ao conhecimento produzido, aos vínculos estabelecidos entre as políticas da UE ou a novas oportunidades abertas em termos de abordagens de implementação; - Dar início a um processo participativo para discutir a forma de estruturar as actividades de I&I agrícolas e rurais no âmbito das futuras políticas da UE, em particular o futuro programa-quadro da UE para a investigação e inovação e a futura PAC, identificando questões fundamentais que mereçam especial atenção nas diferentes prioridades estratégicas e explorando formas de maximizar o impacto e as sinergias entre as várias políticas e instrumentos da UE. As inscrições podem ser feitas até 18 de abril. Para mais informações sobre a conferência e programa consultar: https://ec.europa.eu/programmes/horizon2020/en/news/agriresearch-conference-innovating-future-farming-and-rural-communities

A União Europeia lança convite a manifestar interesse para o PRO-GB - Programa para a Resiliência e as Oportunidades Socioeconómicas para a Guiné-Bissau

A Delegação da União Europeia junto da República da Guiné-Bissau lança convite a manifestações de interesse para a seleção de operadores para implementar as quatro seguintes componentes do Programa para a Resiliência e as Oportunidades Socioeconómicas para a Guiné Bissau (ProGB): • ProGB Sociedade Civil (montante total: 8 milhões EUR) • ProGB Serviços de Água e Energia (montante total: 9 milhões EUR) • ProGB Agricultura de Mangal (montante total: 11 milhões EUR) • ProGB Fileira Avícola (montante total: 1,5 milhões EUR) As organizações interessadas deverão consultar o documento de orientação do convite e manifestar o seu interesse através do preenchimento de um formulário que permitirá avaliar a sua capacidade de realizar as tarefas de implementação relacionadas com o ProGB. O prazo para envio das manifestações de interesse é segunda-feira, 14 de Maio de 2018, às 24h00 TMG. Uma sessão pública de informação sobre o convite terá lugar no dia 11 de Abril de 2018, às 9h30, na sala de conferências do Instituto Nacional de Cinema e do Audiovisual (INCA), em Bissau. Toda a informação sobre o convite (incluindo documento de orientação e formulário) pode ser consultada na página web da Delegação: https://eeas.europa.eu/delegations/guinea-bissau/42250/uni%C3%A3o-europeia-lan%C3%A7a-convite-manifestar-interesse-para-o-pro-gb-programa-para-resili%C3%AAncia-e_pt

6º Concurso Nacional - Prémios melhores jovens agricultores

A Confederação dos Agricultores de Portugal, com o patrocínio da Bayer e o apoio da CONSULAI, organizam pela 6ª vez os prémios para os melhores Jovens Agricultores de Portugal. Estes prémios visam projetos apresentados e realizados por jovens agricultores, com o intuito de divulgar o trabalho desenvolvido em prol das zonas rurais e dar a conhecer ao público em geral as iniciativas inovadoras e bem sucedidas no setor agrícola, segundo critérios de inovação, sustentabilidade e orientação para o Mercado. O regulamento do Concurso pode ser consultado aqui: http://www.cap.pt/0_users/file/Servicos/Concurso_Melhores_Jovens_Agricultores/2018/REGULAMENTO_Concurso_2018.pdf As candidaturas devem ser realizadas usando o seguinte formulário de inscrição (http://www.cap.pt/0_users/file/Servicos/Concurso_Melhores_Jovens_Agricultores/2018/Formulario2018-.pdf), devendo ser enviadas até às 17h00 do dia 29 de maio de 2018, para o email premiosjovemagricultor2018@cap.pt, ou por correio para o Departamento do Associativismo, Rua Mestre de Lima Freitas nº1, 1549-012 Lisboa. Fonte: Consulai

Dia Aberto no Instituto Superior de Agronomia

O Instituto Superior de Agronomia vai abrir as suas portas no próximo dia 18 de Abril, através da realização de um Dia Aberto dirigido aos estudantes do ensino secundário (10º, 11º e 12º ano), nomeadamente, alunos pré-universitários. Os participantes poderão escolher o período da manhã ou o período da tarde e para além de poderem selecionar as suas atividades preferidas, terão ainda a possibilidade de fazer uma visita ao campus da Tapada da Ajuda. Informações e inscrições em: http://www.isa.ulisboa.pt/vida-no-isa/destaques/eventos-internos/20180418-dia-aberto-2018

Food & Nutrition Awards - Candidaturas abertas!

Conheça como pode participar no FNA: processo de candidatura, inscrição e regulamento. Na 9ª edição do Food & Nutrition Awards, poderá candidatar-se às seguintes categorias: - Produto Inovação - Investigação & Desenvolvimento - Educação Alimentar - Sustentabilidade Alimentar - Indústria 4.0 Candidaturas abertas até 31 de Maio de 2018. Saiba mais em: http://foodandnutritionawards.pt/

Fluxo de produtos Agroalimentares aumenta entre Portugal e Guiné-Bissau

Os dados preliminares de uma análise ao comércio externo, realizada pelo Gabinete de Estratégia e Estudos do Ministério da Economia português, indicam que Portugal aumentou a importação de produtos agroalimentares da Guiné-Bissau em 2017. Nos últimos anos, o grupo de produtos importados à Guiné-Bissau com maior peso tem sido o dos minérios e metais. «As importações de produtos agrícolas incidiram principalmente na castanha de caju, seguida de sucos e extratos vegetais. Os minérios reportam-se essencialmente a desperdícios e resíduos de ferro», salienta o estudo. O aumento total das importações de produtos agroalimentares chegou a ser, no período entre Janeiro e Novembro do ano transato, de 84,6%, o que é significativo especialmente se for tido em conta que o total de importações cresceu em apenas 10,8% relativamente a 2016. As exportações de Portugal para a Guiné-Bissau também aumentaram 14,8% em 2017: gasóleo, gasolina e 'jet-fuel' foram os produtos mais exportados neste sentido, sendo o grupo “agroalimentar” o segundo com maiores exportações. Destaque para «a cerveja, vinho e outras bebidas alcoólicas, leite e laticínios, gorduras e óleos, carnes, preparados à base de cereais e de frutos e produtos hortícolas». O documento foi elaborado com base em dados estatísticos do Instituto Nacional de Estatística de Portugal. Fonte: http://www.agronegocios.eu/noticias/portugal-aumentou-importacao-de-produtos-agroalimentares-da-guine-bissau/

Rede Rural Nacional lança site de dedicado à Inovação para a Agricultura

A Rede Rural Nacional (RRN) lançou uma página de Internet dedicada à “Inovação para a Agricultura”, com o intuito de dar a conhecer o que se faz de inovador, no País e no estrangeiro, no sector Agrícola. Para mais informações: https://inovacao.rederural.gov.pt/9-destaque-inov/17-interdum-justo

Forest innovation workshop 2018
  26 Abr

“Informar- Priorizar-Colaborar: Cooperação das Regiões sobre Inovação na Gestão Florestal, Uso de Madeira e Serviços Relacionados com Florestas”. Iniciada em 2014 como uma iniciativa conjunta de organizações europeias relevantes interessadas em manter o setor florestal vital e inovador, a 3ª edição do Workshop Europeu dedicado à inovação florestal terá lugar no dia 26 de abril de 2018, em Bruxelas. O workshop é organizado pela EFI, CEPF, Copa Cogeca, Rede ERIAFF, ERRIN, Euromontana e EUSTAFOR. Os principais objetivos da 3ª edição são: 1. Apresentar iniciativas inovadoras relevantes de toda a Europa, com especial atenção aos Grupos Operacionais da EIP AGRI; 2. Conectar especialistas e profissionais para melhorar ainda mais os projetos existentes e fornecer inspiração; 3. Incentivar mais investimentos públicos e privados em projetos inovadores dedicados à economia florestal. Programa em anexo. Mais informações: Harald Mauser (harald.mauser@efi.int) Fonte: https://www.efi.int/events/forest-innovation-workshop-2018-2018-04-26